17 sintomas de gravidez nas primeiras semanas

Doutor Já Redação

Visão geral

Enquanto testes de gravidez e ultrassom são os únicos caminhos para determinar se você está grávida, há outros sinais e sintomas que você pode procurar. Os sintomas de gravidez nas primeiras semanas vão além do atraso da menstruação. Eles podem incluir mal estar pela manhã, sensibilidade ao cheiro e cansaço.

 

Não tem Plano de Saúde? Conheça agora o Cartão Doutor Já!

Entendendo os sintomas de gravidez nas primeiras semanas

Apesar de parecer estranho, os sintomas da sua primeira semana de gravidez são baseados na data do seu último período menstrual. Seu último período menstrual é considerado sua primeira semana de gravidez, mesmo se você realmente ainda não estiver grávida. A data esperada do nascimento é calculada usando o primeiro dia do seu último período. Por esta razão, as primeiras semanas, nas quais você pode não ter sintomas também contam.

Não tem Plano de Saúde? Conheça agora o Cartão Doutor Já!

Sinais, sintomas e linha do tempo (do atraso menstrual)

Abaixo, listamos 17 sintomas de gravidez nas primeiras semanas, em uma linha do tempo.

1- Cólicas e manchas leves: 1 à 4 semana

2- Atraso menstrual:  4  semana

3- Fadiga:  4 ou 5 semana

4- Náusea:  4 à 6 semana

5- Formigamento ou dor no peito:  4 à 6 semana

6- Micção freqüente: 4 à 6 semana

7- Inchaço:  4 à 6 semana

8- Dores ao movimentar-se:  5 à 6 semana

9- Variação de humor: 6 semana

10- Mudanças na temperatura: 6 semana

11- Pressão alta: 8 semana

12- Extrema fadiga e azia:  9 semana

13- Batimentos cardíacos mais rápidos:  8 à 10 semana

14- Mudanças no peito e mamilo:  11 semana

15- Acne:  11 semana

16-Ganho de peso notável:  11 semana

17- Brilho da gravidez:  12 semana

gravidez nas primeiras semanas

Cólicas e manchas

Da primeira semana à quarta, tudo ainda está acontecendo em nível celular. O óvulo fertilizado cria um blastocisto (um fluído preenchido por um grupo de células) que vai desenvolver-se em partes do corpo e órgãos do bebê. Aproximadamente de 10 à 14 dias depois da concepção, o blastocisto irá implantar-se no endométrio, o forro do útero. Isso pode causar sangramento de implantação que pode ser confundido por um leve período menstrual.

Aqui estão alguns sinais do sangramento na implantação:

Cor: Pode ser vermelha, rosa ou marrom.

Sangramento: Geralmente é comparado ao seu período menstrual regular. A mancha é definida pelo sangue presente apenas ao limpar.

Dor: Pode ser suave, moderada ou severa.

Episódios: sangramento de implantação, dura menos de três dias e não necessita tratamento.

Evite fumar, beber álcool, ou usar drogas ilícitas, que são associados com sangramentos.

Cego botão cartão Doutor Já

Uma Alternativa aos Planos de Saúde

Atraso menstrual

Quando a implantação é completada, seu corpo começará a produzir Gonadotropina coriônica humana (hCG). Esse hormônio ajuda o corpo a manter a gravidez. Ele também avisa aos ovários para pararem de liberar óvulos maduros todo mês.

Você vai provavelmente sentir falta da sua próxima menstruação  quatro semanas após a concepção. Se você tem um período menstrual irregular, você deve fazer um teste de gravidez para confirmar. A maior parte dos testes de casa conseguem detectar hCG após oito dias do ciclo atrasado. Um teste de gravidez conseguirá detectar níveis de hCG na sua urina e mostrará se está grávida.

Dica: Faça um teste de gravidez para ver se está grávida. Se der positivo, ligue para o seu médico para marcar sua primeira consulta pré-natal e para saber se o seu medicamento coloca em risco o crescimento do seu bebê.

 

Aumento na temperatura corporal

Um aumento na temperatura corporal também pode ser um dentre os sintomas de gravidez nas primeiras semanas. A temperatura central do seu corpo também pode facilmente aumentar durante exercícios ou em um clima quente. Durante esse tempo, você terá que beber mais água e exercitar-se com cautela.

Fadiga

Fadiga pode se desenvolver em qualquer período da gravidez. Esse sintoma é comum entre os sintomas de gravidez nas primeiras semanas. Seus níveis de progesterona irão aumentar, o que pode deixar-lhe sonolenta.

Dica: As primeiras semanas de gravidez podem te deixar exausta. Faça um esforço para dormir o suficiente. Manter seu quarto com temperatura agradável também pode ajudar.

Aumento da freqüência cardíaca

Aproximadamente, na 8 ou 10 semana, seu coração pode começar a bombear mais rápido. Palpitações e arritmias são comuns na gravidez. Isso normalmente acontece por causa dos hormônios. O aumento do fluxo sanguíneo por causa do feto acontece mais tarde.

Primeiras mudanças nos seios: formigamento, dores e tamanho

Mudanças nos seios podem ocorrer entre a 4 e 6 semana.  É provável que você desenvolva maciez e inchaço nos seios devido a mudanças hormonais. Isso provavelmente passará após algumas semanas quando seu corpo tiver se ajustado aos hormônios.

Essas mudanças também podem ocorrer durante a 11 semana. Hormônios continuam a causar um aumento nos seus seios. A aréola – área em volta do mamilo- pode mudar para uma cor mais escura e crescer. Se você teve lutas com acne antes da gravidez, você pode experimentar problemas novamente.

Dica: Compre um sutiã de maternidade confortável e de suporte. Um sutiã de algodão, sem armadura é geralmente o mais confortável. Escolha um com diferentes fendas que te dão mais espaço para o “crescimento” nos meses seguintes. Compre almofadas de mama que caibam dentro do seu sutiã para reduzir a fricção e dor nos seus mamilos.

Mudanças de humor

Os níveis de estrogênio e progesterona serão altos durante a gravidez. Esse aumento pode afetar seu humor e fazer-lhe mais emotiva e reativa do que o normal. Essas variações podem causar sentimentos de depressão, irritabilidade, ansiedade e euforia.

Frequente micção e incontinência urinária

Durante a gravidez, seu corpo aumenta a quantidade de sangue bombeado. Isso faz com que o rim processe mais fluído que o normal, levando mais a bexiga. Você provavelmente terá que correr para ir ao banheiro e pode acabar vazando acidentalmente.

Para fazer: Beba cerca de 300 mL (um pouco mais de um copo) de extra líquidos por dia.

Inchaço e prisão de ventre

Similar aos sintomas do período menstrual, o inchaço pode ser um entre os sintomas de gravidez nas primeiras semanas. Isso acontece devido a mudanças hormonais, que podem diminuir o ritmo de seu sistema digestivo. Você pode ter prisão de ventre, aumentando o inchaço abdominal.

Mal estar matutino, náusea e vômito

Náusea e mal estar matutino se desenvolvem, geralmente, entre a quarta à sexta semana. Apesar de ser chamado de mal estar matutino, pode ocorrer qualquer hora do dia. Não é claro o que exatamente causa o enjoo e o mal estar, mas hormônios podem ter um papel nisso.

Dica: Tenha um pacote de biscoitos salgados na sua cama e coma alguns antes de levantar de manhã. Isso pode ajudar a resolver o mal estar matutino. Mantenha-se hidratada  e ligue para o seu médico se não consegue reter fluídos e comida.

Pressão arterial alta e tonturas

Na maior parte dos casos, pressão normal ou alta irá cair nos primeiros estágios da gravidez. Isso pode causar também tonturas, visto que seus vasos sanguíneos estão dilatados.

A pressão alta por causa da gravidez é mais difícil de determinar. A maioria dos casos de hipertensão nas primeiras vinte semanas indica problemas subjacentes. Seu médico irá medir sua pressão arterial durante sua primeira consulta para ajudar a estabelecer a linha base para uma leitura normal da pressão.

Dica: Considere fazer exercícios amigáveis e afira sua pressão sanguínea regularmente. Pergunte ao seu médico sobre dietas para ajudar a diminuir a pressão arterial. Beba bastante água e faça lanches regularmente para prevenir tontura.

Sensibilidade a cheiros e aversão à comida

Esse sintoma é principalmente auto-relatado. Há pouca evidência científica acerca de sensibilidade a cheiros durante o primeiro trimestre, mas pode ser importante, pois a sensibilidade a pode desencadear náuseas e vômitos e gerar aversão à comida.

Ganho de peso

Torna-se mais comum a partir do fim do primeiro trimestre da gravidez. Você pode se perceber ganhando de 0,500 kg a 1,800kg nos primeiros meses. Os requisitos de calorias para o início da gravidez não mudam muito da sua dieta regular, mas irão aumentar conforme o progresso da gravidez.

Nos últimos estágios, o ganho de peso se espalha em:

Peitos: 0,400 a 1 kg

Útero: 0,900 kg

Placenta: 0,680 kg

Líquido amniótico: 800 kg

Aumento de volume de sangue e fluído: 2,3 kg a 3 kg

Gordura: 2,7kg a 3,6 kg

 

Azia

Hormônios podem causar um relaxamento na sua válvula entre o estômago e esôfago. Isso permite que o ácido do estômago vaze, causando azia.

O que fazer:

Coma várias vezes pequenas porções durante o dia ao invés de grandes e poucas. Converse com o seu médico sobre o que pode ser seguro para você e seu bebê, se você precisa de antiácidos.

 

Brilho da gravidez e acne

Muitas pessoas podem começar a dizer que você tem o “brilho da gravidez”. A combinação do aumento do volume do sangue e maiores níveis hormonais empurram mais sangue pelos vasos sanguíneos. Isso, por sua vez, dá à sua pele uma aparência corada e brilhante. Em contrapartida, você pode também desenvolver acne.

 

Os sintomas de gravidez nas primeiras semanas diminuem no segundo trimestre

O primeiro trimestre da gravidez começa sem nenhum sinal de gravidez e termina com um corpo que é ajustado para levar uma criança.

Os sintomas de gravidez nas primeiras semanas não vão aparecer até a quarta semana. Isto é, quando uma mulher pode esperar perder o período e pode sofrer cólicas suaves e manchas de sangue. O mal estar matinal pode começar em torno da semana cinco ou seis.

Muitas das mudanças corporais e sintomas da gravidez nas primeiras semanas (primeiro trimestre) começarão a desaparecer quando chegar ao segundo trimestre. Converse com seu médico sobre quaisquer sintomas que interfiram com sua vida diária. Juntos vocês podem encontrar alívio e conforto para sua gravidez.

Fonte: Health Line

Se precisar de consultas com ginecologista, conte com a gente!

F